História

por Interlegis — última modificação 10/07/2019 15h51
Município de Novo Horizonte do Oeste

Com a nomeação do Coronel de artilharia Jorge Teixeira de Oliveira para Governar o Território Federal de Rondônia, empossado em 10 de abril de 1979, destacava-se a tarefa de preparar administrativa econômica e politicamente o Território para a sua transformação em um novo Estado.

Rondônia crescia aceleradamente e a abundância de possibilidades atraia novos contingentes humanos para estas regiões. A administração do Coronel Jorge Teixeira foi marcada pelo dinamismo e pela febril atividade de criação de uma infra-estrutura capaz de permitir e viabilizar a administração do futuro desenvolvimento de Rondônia. As metas previstas em meados do ano de 1981 seriam a transformação do Território de Rondônia em Estado e a colonização do interior.

Núcleos de colonização surgiam ao longo da BR 364 e também das estradas vicinais, que partiam da BR 364 para as áreas interiores do Estado. No interior do Estado foram criados 17 Núcleos de Apoio ao Produtor Rural (NUAR). Estes Núcleos tiveram como objetivos facilitar a vida dos colonos que residiam afastados das sedes municipais. Dentre estes, um deles se tornou no que temos hoje, o município de Novo Horizonte do Oeste.

O primeiro passo para a criação de Novo Horizonte, foi a formação de uma Comissão de Desenvolvimento Rural (CDR), a qual tinha como meta a implantação de um NUAR, financiado pelo Banco Mundial através da SEPLAN. O NUAR foi inaugurado em 19/10/83 e seu primeiro administrador o Srº Agenor Ferreira de Lima, que era subordinado a Capital de Porto Velho.

Com a emancipação política de Rolim de Moura em 05/08/83, o Prefeito Valdir Raupp de Mattos, solicitou a guarda e a responsabilidade do Núcleo de Novo Horizonte, passando a ser distrito de Rolim de Moura. O Srº. João Vilmar Lopes (Nego D´Água) foi o segundo administrador. Seu sucessor, o Srº. Pedro Rodrigues.

Em 13 de fevereiro de 1992 é criado o município de Novo Horizonte através da Lei nº 365. Nesta ocasião foi nomeado o 1º Prefeito Tampão Srº Geraldo de Sá, que administrou este município por 10 meses. O nome de Novo Horizonte ocasionava uma compatibilidade de nomes segundo o IBGE, por esta razão dificultava o processo de emancipação. Para solucionar este problema o então Deputado Federal Heditário Cassol, entrou com um pedido para facilitar a emancipação mudando o nome para Cacaieiros, homenageando os primeiros que aqui paravam para descansar e seguir o seu destino.

No final de 1992, houve a primeira eleição, elegendo o Primeiro Prefeito o Srº. Varley Gonçalves Ferreira. A opinião popular e política alegando que o nome Cacaieiros corresponderia a sinônimo de sofrimento solicitaram junto ao poder público a mudança do nome, para tanto, o prefeito encaminhou um Projeto à Câmara de Vereadores mudando o nome de Cacaieiros para Novo Horizonte, acrescentando do Oeste, a qual foi aprovada por unanimidade.

Completando os primeiros quatro anos de emancipação política, houve a segunda eleição, sendo eleito o Srº Manoel de Lima Filho (Manelão). Em 2000, realizou-se a terceira eleição, elegendo o Srº Francisco Adomilson Dantas Barbosa (Ceará) na quarta eleição sendo eleito pela segunda vez o Srº Varley Gonçalves Ferreira, com a gestão de 2005 a 2008 e a quinta eleição sendo eleito Nadelson de Carvalho para gestão de 2009 a 2012. Atualmente na sexta gestão, Varley Gonçalves Ferreira é o Prefeito para a gestão de 2013 a 2016.Cleiton Cheregatto assumiu a gestão (2017 a 2020).

Novo Horizonte do Oeste é uma cidade do Estado do Rondônia. Os habitantes se chamam novo-horizontinos. O município se estende por 843,5 km² e contava com 10 240 habitantes no último censo. A densidade demográfica é de 12,1 habitantes por km² no território do município.


Vizinho dos municípios de Rolim de Moura, Nova Brasilândia d'Oeste e Castanheiras, Novo Horizonte do Oeste se situa a 24 km ao Norte-Oeste de Rolim de Moura a maior cidade nos arredores.


Situado a 232 metros de altitude, de Novo Horizonte do Oeste tem as seguintes coordenadas geográficas: Latitude: 11° 42' 36'' Sul, Longitude: 61° 59' 49'' Oeste.
O prefeito de Novo Horizonte do Oeste se chama CLEITON ADRIANE CHEREGATTO.


Para todas as formalidades administrativas, você pode ir à prefeitura de Novo Horizonte do Oeste Av. Elza Vieira Lopes, 4803.

DISTRITO

Novo Horizonte do Oeste possui um distrito chamado Migrantinópolis, um distrito quase maior do que Novo Horizonte, além de possuir mais segurança e menos taxa de acidentes, e também é muito calmo.

Possui uma renda baseada na agricultura e pecuária, sendo responsável por grande parcela da movimentação da renda no município.

Possui agências bancárias, laminadora, comercio de grãos que são referência no estado, trazendo ao distrito uma relevância comercial elevada.

 

CIDADES E VILAREIJOS VIZINHOS

Abaixo é possível encontrar as cidades e vilarejos vizinhos de Novo Horizonte do Oeste, dispostos em relação à bússola e também à sua quilometragem de distância ao município.

Município confinante(divisa) de Novo Horizonte do Oeste/RO

Castanheiras

Castanheiras

Nova Brasilândia d'Oeste

 

Rolim de Moura

Nova Brasilândia d'Oeste

Rolim de Moura

Rolim de Moura

Municípios vizinhos de Novo Horizonte do Oeste

Rolim de Moura 23.8km

Alta Floresta d'Oeste 29.1km

Castanheiras 31.7km

Santa Luzia d'Oeste 32.5km

Nova Brasilândia d' Oeste 36.4 km

Alto A. dos Parecis 49.2 km.

                                                                     SIMBOLOS

O Brasão do município de Novo Horizonte foi idealizado pelo professor Valdinei de Souza Brito, através de um concurso aberto para a população. Que possui em um dos lados um galho de café e o outro um de arroz que representa a base econômica municipal possui ainda na parte superior uma coroa feita de tijolos, que representa a edificação do município. Na parte central a aurora com uma estrela vinda do horizonte, simbolizando a perspectiva do progresso, tem também a figura de um homem trabalhador rural desenvolvendo sua função. As cores predominantes do Brasão são as da Bandeira do Brasil.